Tia Maria

2 minutos para ler

O blog da TodoVino, loja online de vinhos, cervejas e destilados, fala hoje do mais conhecido licor de café do mundo – o Tia Maria. A fórmula deste sucesso está em três ingredientes base: a baunilha Madagascar, o rum e os grãos de café jamaicanos. 

A história de Tia Maria remonta ao século XVII. Durante a guerra da Espanha com suas colônias, uma jovem aristocrata espanhola teve que fugir da Jamaica às pressas. Uma de suas servas salvou uma caixa de joias que armazenava um par de brincos de pérolas negras e uma receita manuscrita de um licor de café. A receita foi batizada de Tia Maria em homenagem ao nome da serva que transportou a caixa com as joias. 

Na década de 1940 a receita foi redescoberta pelo Dr. Kenneth Leigh Evans que decidiu produzi-la em escala comercial. Até a década de 80 seu teor alcoólico era de 31,5% e depois passou para os atuais 20%. 

O grande salto de Tia Maria também ocorreu na década de 80, com a primeira campanha veiculada na TV. Nela, a super-modelo Iman, então casada com David Bowie, reforçou a imagem exótica de um novo licor de café e o produto ganhou escala global. 

Desde 2009 o licor pertence ao catálogo à destilaria italiana Saronno, que mantém a mesma receita e ingredientes. O licor já se tornou um clássico na coquetelaria, embora muitos o prefiram puro e apenas com um cubo de gelo na taça. Uma das receitas tradicionais com o licor é o Espresso Martini, que levava Tia Maria em sua versão original. 

Tia Espresso Martini

Ingredientes:

25 ml de Tia Maria

25 ml de Espresso

25 ml de Vodka

5 ml de xarope de açúcar

Pegue uma taça martini complete com gelo e reserve.

Na coqueteleira, misture todos os ingredientes e adicione alguns cubos de gelo. 

Retire os cubos de gelo da taça.

Bata a coqueteleira e peneire o coquetel diretamente para a taça previamente gelada. 

Decore com três grãos de café e sirva.

Posts relacionados

Deixe um comentário