O que comer com vinho? Saiba quais as melhores combinações!

6 minutos para ler

Não importa se você já tem muita experiência ou se ainda é novato na enologia, uma dúvida que sempre surge ao abrir uma nova garrafa é: afinal, o que comer com vinho? Saber harmonizar o prato com a bebida é fundamental para ter a melhor experiência de ambos. Mas você sabe como fazer isso?

Se ainda não, fique tranquilo! Neste post, trouxemos algumas dicas para que consiga fazer as melhores combinações e aproveitar cada gole da sua bebida favorita no maior estilo. Quer surpreender seus convidados? Quer ter uma degustação incrível? Então, continue por aqui e confira!

O que comer com vinho tinto

O vinho tinto é feito com uvas vermelhas e mantém as cascas das uvas por mais tempo no processo de fermentação, por isso a sua cor é intensa. De maneira geral, apresenta taninos que dão a sensação de adstringência e é mais encorpado que os brancos. As uvas para os vinhos tintos podem ser:

Harmonizações com vinho tinto

Os tintos mais leves apresentam taninos macios e acidez perceptível. São ótimos para quem está se acostumando aos tintos. Por serem menos encorpados, são boas opões para o verão. Na harmonização, um espaguete ao sugo vai muito bem.

Já nas características dos vinhos de médio corpo, são os aromas de frutas e especiarias, os taninos e a acidez que dão estrutura. Como são muito equilibrados, servem como um curinga, combinando com vários pratos, como risoto de abóbora com queijo e filé ao molho de gorgonzola.

Por fim, os vinhos mais encorpados têm maior teor alcoólico, cor intensa, aromas complexos e elevada concentração de taninos. Por terem maior estrutura, são ótimos para apreciar em dias mais frios, acompanhados de carnes vermelhas, cordeiro e queijos mais fortes.

O que comer com vinho branco

O vinho branco é elaborado com uvas brancas ou tintas sem muito contato com as cascas durante a fermentação. Assim, ele tem a coloração mais clara, que varia de tons esverdeados a palha e dourado. São mais leves e refrescantes, ideais para dias mais quentes. Algumas das uvas mais usadas para os vinhos brancos são:

  • Riesling;
  • Chardonnay;
  • Sauvignon Blanc;
  • Pinot Noir;
  • Pinot Grigio.

Harmonizações com vinho branco

Por serem mais leves e frescos, os vinhos brancos pedem pratos igualmente suaves. Dessa forma, os sabores e os aromas se complementam e nenhum sobressai ao outro. Para bebidas mais jovens com acidez marcante, aposte em frutos do mar, queijos macios, frutas e saladas.

Se o rótulo for um branco aromático, que logo exala aromas de frutas e de flores ao ser aberto, os pratos asiáticos e tailandeses combinam muito bem. Agora, se a sua opção é um branco mais encorpado e notas de manteiga e baunilha, a comida deve acompanhar essa estrutura. Então, boas escolhas são as massas ao molho de queijos ou, até mesmo, uma carne não muito gordurosa.

O que comer com vinho rosé

Ao contrário do que muita gente pensa, o vinho rosé não é o tinto que deu errado. Ele é pensado e elaborado para ter exatamente essa coloração, que é conquistada por ser feito com uvas tintas tendo pouco contato com as cascas. É uma bebida leve e muito agradável, fazendo sucesso em todos os gostos. As uvas do vinho rosé podem ser:

  • Pinot Noir;
  • Zinfandel;
  • Merlot;
  • Syrah.

Harmonizações com vinho rosé

Por ser um vinho muito democrático, o rosé pode ser a escolha ideal para aquele jantar em que você não sabe muito bem a preferência dos seus convidados. Na dúvida, ele é mais fácil de agradar. Na hora da harmonização ele não é diferente: também combina com muitos pratos. Ele orna com pizzas, saladas, entrecot grelhado, peixes, queijos e aves.

O que comer com vinho licoroso

O vinho licoroso, também chamado de vinho de sobremesa, passa por técnicas que concentram o açúcar das uvas deixando-o mais adocicado, encorpado e com maior teor de álcool. Ele também pode ser elaborado por fortificação, em que é adicionado álcool vínico. Dentro desse grupo, encontramos tantos os tintos quanto os brancos. As principais uvas para vinho licoroso são:

  • Moscatel;
  • Touriga;
  • Garnacha;
  • Sauvignon Blanc.

Harmonizações com vinho licoroso

O curioso é que o vinho licoroso não precisa de acompanhamento. Isso mesmo, pode ser degustado sozinho sem problema algum. No entanto, se quiser harmonizá-lo, aposte nas sobremesas. A bebida deve sempre ser mais doce para que fique realçada. Sirva resfriada para que o açúcar fique menos evidente.

Para sobremesas com frutas, como saladas e tortas, o Moscatel é uma boa pedida. Já as feitas à base de chocolate, como mousses e brownies, casam bem com o vinho do Porto.

O que comer com vinho espumante

Os espumantes são vinhos que contêm borbulhas, o que os tornam leves, refrescantes e muito charmosos. O segredo que os diferencia dos vinhos tranquilos (sem borbulhas) é a segunda fermentação, que pode ser feita na garrafa ou em tanque. As uvas mais famosas para vinho espumante são:

  • Chardonnay;
  • Pinot noir;
  • Moscatel.

Harmonizações com vinho espumante

O frescor dos espumantes pedem comidas igualmente leves e sutis. Como entrada, uma salada de camarões. Para prato principal, frutos do mar, como lagosta e camarão, além de carnes brancas. Para fechar a refeição em grande estilo, um delicioso creme de baunilha.

Essas foram apenas algumas sugestões. É interessante experimentar combinações, pois enriquece o nosso conhecimento no mundo dos vinhos, mas, geralmente, um dos tipos mais comuns de harmonização é por semelhança. Basta encontrar características que ornam entre si e que podem complementar os sabores.

Os vinhos brancos leves, por exemplo, harmonizam com peixes leves e queijos frescos. Já os tintos mais encorpados combinam com queijos mais fortes, como parmesão, embutidos, carnes vermelhas e carne de cordeiro. Há também a harmonização por contraste, em que se busca o equilíbrio combinando os opostos. Um prato muito gorduroso, como o bacalhau com natas, pede um vinho com maior acidez, como é o vinho verde.

Agora que você já sabe o que comer com vinho, fica mais fácil na hora de decidir o que fazer para o jantar ou aquele encontro entre os amigos. Assim, a sua experiência de degustação de vinhos fica mais completa e muito prazerosa.

Gostou do artigo e acha que seus amigos vão curtir também? Então, compartilhe este post nas suas redes sociais e leve mais essas dicas para a galera!

Posts relacionados

Um comentário em “O que comer com vinho? Saiba quais as melhores combinações!

Deixe um comentário