Vários barris de vinho Vários barris de vinho

Conheça a diferença entre os vinhos que passam ou não por barricas

3 minutos para ler

Para você que quer conhecer mais sobre o mundo do vinho, vamos te apresentar algumas características dos vinhos que passam um período armazenados em barricas, processo denominado como tanoaria.

A tanoaria é a etapa final da produção do vinho antes do seu engarrafamento, o armazenamento em barricas tem como objetivo agregar outros elementos e características a bebida. A opção por incluir esta etapa na produção é uma decisão do enólogo não interferindo na qualidade do produto.

Que tal conhecer o resultado deste processo?

AROMA

Uma das consequências da passagem por barricas é a adição de aromas.

No tempo que permanecem armazenados, estes vinhos extraem da madeira aromas como baunilha, cravo, defumado, adocicado, chá, tabaco, dependendo do tipo de barrica e da composição do vinho.

Veja exemplos de vinhos que passam por barrica e que são fáceis de identificar os aromas:

No Vinho Gato Negro Merlot nota-se um aroma de baunilha equilibrado com seu corpo leve, pois passa somente 3 meses armazenado em barricas.

Já no Vinho Castillo de Molina Reserva Cabernet Sauvignon percebemos um sutil aroma de tabaco que é originado de 12 meses de sua passagem por barricas de carvalho.

COR

Uma segunda característica é a cor do vinho.

O armazenamento em barricas influencia na estabilidade da cor, que é definida pela coloração encontrada na casca da uva.

As propriedades do carvalho transferidos dos barris para o vinho contribuem para que a cor fique mais intensa, como o Vinho Castillo de Molina Reserva Syrah , que tem o violeta da casca intensificado por 10 meses nas barricas.

Os vinhos brancos também podem ser armazenados, nas barricas, tudo irá depender do estilo do vinho que o enólogo quer criar, o Vinho Trapiche Vineyards Chardonnay; é um exemplo de vinho branco que passa por barrica de carvalho por um período de tempo que não ocasiona alteração na sua cor.

CORPO

A barrica também influencia na estrutura do vinho em conjunto com as características da uva, podendo ser um vinho de corpo leve, médio ou encorpado.

Um vinho de corpo leve é um vinho fresco e delicado como o Vinho Fond de Cave Sauvignon Blanc.

Já o Fond de Cave Petit Verdot é um vinho de corpo médio com taninos suaves e aveludado.

Como um bom exemplar de vinho encorpado, o Finca Las Palmas Malbec se apresenta com elegância e persistência típico de um vinho que passa 18 meses em barricas de carvalho.

Na hora de comprar um vinho é interessante observar se ele passou ou não por barricas. assim você comprará o vinho que mais se ajusta ao seu perfil.

Agora que já sabe mais um pouco sobre como diferenciar tipos de vinho, não deixe de seguir a TodoVino nas redes sociais: no Facebook e no Instagram, assim você fica por dentro de todas as novidades!

Posts relacionados

Deixe um comentário